Skip directly to content

Os diferentes tipos de cardiopatia

O termo cardiopatia abrange todas as doenças que acometem o coração. Alguns dos tipos comuns de cardiopatia são os seguintes:

  • Cardiopatia congênita - são os defeitos cardíacos presentes desde o nascimento. Nos casos mais graves costuma ser percebida logo que o bebê nasce; nos casos menos graves pode ser diagnosticada quando a pessoa já está na idade adulta.
  • Doenças no miocárdio - são defeitos no músculo do coração. Em muitos casos, o órgão não consegue bombear o sangue adequadamente.
  • Infecção no coração - são causadas quando bactérias, vírus, fungos ou parasitas alcançam o músculo cardíaco.
  • Cardiopatia de válvulas - o coração tem quatro válvulas que abrem e fecham para permitir o fluxo de sangue no órgão. Uma variedade de fatores podem danificar as válvulas, causando a doença.
  • Cardiopatia hipertensiva - é uma consequência da pressão arterial alta, que pode sobrecarregar o coração e os vasos sanguíneos e causar a doença.
  • Cardiopatia isquêmica - causada pelo estreitamento das artérias do coração pela acumulação de gordura, o que leva à diminuição da oferta de sangue para o órgão. A doença pode gerar anginas (dor no peito) ou, nos casos agudos, infarto.

Sintomas de cardiopatia

Os sintomas de cardiopatia podem variar com o tipo de problema e o quanto a função cardíaca está comprometida. Alguns sinais incluem:

  • Cor de pele cinzenta ou azul (cianose);
  • Inchaço nas mãos, tornozelos e pés;
  • Falta de ar;
  • Falta de fôlego durante atividade física;
  • Fadiga;
  • Batimentos cardíacos irregulares;
  • Tonturas, vertigens e desmaios;
  • Dor no peito.

Se você desconfia que tem alguma doença cardíaca ou se você tem histórico familiar da doença, consulte um médico. A cardiopatia é mais fácil de ser tratada quando detectada precocemente. Vale lembrar que muitas formas de doenças cardíacas podem ser prevenidas com a adoção de um estilo de vida mais saudável.

Conteúdo interno relacionado

 Seu coração
      http://www.pfizer.com.br/sua-saude/coracao
 Diabete, tabagismo e problemas do coração multiplicam os riscos de contrair pneumonia
     http://www.pfizer.com.br/content/Diabete-tabagismo-e-problemas-do-coracao-multiplicam-riscos-de-pneumonia

 

Referências
http://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/heart-disease/basics/symptoms/con-20034056
http://www.world-heart-federation.org/cardiovascular-health/heart-disease/different-heart-diseases/
http://publicacoes.cardiol.br/consenso/2006/8702024.pdf