Skip directly to content

Saúde masculina precisa de atenção

Conscientizar a população masculina sobre a importância de exames preventivos no combate a problemas de saúde que atingem os homens, em especial o câncer de próstata. Esse é o objetivo do Novembro Azul, uma iniciativa do Instituto Lado a Lado pela Vida e da Sociedade Brasileira de Urologia, que acontece pelo quarto ano consecutivo e já faz parte do calendário nacional das campanhas de prevenção.

O preconceito, a vergonha e barreiras culturais ainda mantêm os homens longe dos consultórios médicos, alertam especialistas da área. Segundo levantamento recente realizado com pacientes do Centro de Referência da Saúde do Homem, órgão da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, 60% do total de pacientes chegam ao hospital com quadros considerados avançados. A demora do diagnóstico costuma comprometer o tratamento.

Principais doenças que acometem os homens

De acordo com dados do IBGE, homens brasileiros vivem, em média, sete anos a menos que mulheres e apresentam maior incidência de certas doenças. As doenças prevalentes em homens ou que só os afetam são:

Doenças cardiovasculares - infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca e acidente vascular cerebral estão entre as principais causas de morte no Brasil. A maior incidência é entre os homens. Os fatores de risco incluem pressão alta, obesidade e alguns hábitos relacionados ao estilo de vida, como tabagismo e sedentarismo.

Câncer de pulmão - atinge duas vezes mais homens do que mulheres. Maior parte dos casos diagnosticados (90%) está associada ao hábito de fumar. Os principais sintomas são tosse, dor no tórax, escarros com sangue e falta de ar.

Câncer de próstata - é o segundo tipo de câncer mais comum entre homens. Quando diagnosticado no início, tem 90% de chances de cura. Mas, para isso, é preciso quebrar o tabu e realizar o exame de toque retal periodicamente a partir dos 40 anos.

Câncer de testículos - Apesar de raro (5% do total de casos de câncer entre os homens), preocupa porque a maior incidência é em homens em idade produtiva – entre 15 e 50 anos. É facilmente curado na fase inicial. Homens devem realizar todo mês o autoexame dos testículos para detectar possíveis nódulos, além de fazer consultas periódicas com um urologista.

Câncer de pênis - está relacionado a condições precárias de higiene com o órgão sexual. No Brasil, representa 2% de todos os casos de câncer no homem e é mais frequente nas regiões Norte e Nordeste.

Além de avaliações de rotina, é importante manter um estilo de vida saudável no combate a problemas de saúde.

Conteúdos relacionados no site

Câncer de Pulmão
http://www.pfizer.com.br/sua-saude/oncologia/c%C3%A2ncer-de-pulm%C3%A3o

Seu coração
http://www.pfizer.com.br/sua-saude/coracao

HPB – Hiperplasia Prostática Benigna
http://www.pfizer.com.br/sua-saude/saude-do-homem/hpb-%E2%80%93-hiperplasia-prost%C3%A1tica-benigna

Homens não devem deixar a saúde em segundo plano
http://www.pfizer.com.br/noticias/Homens-n%C3%A3o-devem-deixar-sa%C3%BAde-em-segundo-plano

 

Referências

http://www.novembroazul.com.br/noticias/novembro-azul/novembro-azul-cuidar-da-saude-tambem-e-coisa-de-homem-aceita-o-desafio/

http://www.sbu.org.br/?campanha-novembro-azul-2014

http://www.saude.sp.gov.br/ses/noticias/2012/julho/60-dos-homens-so-vao-ao-medico-ja-com-a-doenca-avancada-aponta-estudo

http://www.blog.saude.gov.br/570-perguntas-e-respostas/34369-homens-devem-cuidar-da-saude-para-evitar-doencas-graves
 
http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=233833

http://www.unifia.edu.br/revista_eletronica/revistas/saude_foco/artigos/ano2014/saude_do_homem.pdf

http://www.saocamilo-sp.br/novo/noticias/problemas-cardiovasculares-urologicos.php

http://www.einstein.br/einstein-saude/em-dia-com-a-saude/Paginas/saude-do-homem.aspx