Skip directly to content

A importância dos adultos manterem a vacinação em dia

Quando o assunto é vacinação, a maior parte das pessoas pensa logo no calendário de vacinas para os pequenos, mas se esquece que os adultos também devem estar com as vacinas em dia. Durante o ano, há o período de festas, que atraem turistas de diversas partes do mundo e a transmissão de doenças até então inativas se torna mais fácil. Além disso, sempre existe a possibilidade de ter que viajar a trabalho para lugares onde uma determinada doença esteja ativa.

Vacinas necessárias para adultos

Hepatite B - é ministrada em três doses, para quem não tomou na infância ou nunca teve a doença. A segunda dose deve ser tomada um mês após a primeira e a terceira, seis meses depois da segunda dose;

Tríplice viral (SRC) - protege contra sarampo, caxumba e rubéola e é ministrada uma dose única. Mas atenção, não é indicada para gestantes e pessoas com imunidade comprometida;

Dupla adulto (dt) - previne de difteria e tétano e deve ser tomada a cada dez anos por toda vida, caso você tenha o esquema de vacinação completo, ou três doses (0, 30 e 180 dias) a qualquer momento, e depois uma nova dose a cada dez anos;

Febre amarela - você também deve tomar a cada dez anos. É indicada apenas para pessoas que moram ou pretendem viajar para lugares onde o risco da doença é alto. Também não é indicada para gestantes e para mulheres que estão amamentando.
vacinas que não são obrigatórias, mas podem ajudar na imunidade, tais como a vacina para pneumonia e meningite.

Outros cuidados, além da vacinação, para manter sua saúde em dia

Fique atento à sua alimentação - procure fazer refeições balanceadas, ingerindo o mínimo possível de alimentos muito industrializados e com excesso de sal, açúcar e gordura. Respeite o horário das refeições e não esqueça de hidratar-se. Dois litros de água por dia é uma boa medida. Evite o excesso de bebidas alcoólicas e procure sempre ter uma boa noite de sono. Uma dieta equilibrada pode trazer uma série de benefícios, por exemplo:

  • Reforçar o sistema imunológico;
  • Evitar sobrepeso e obesidade;
  • Ajudar a prevenir diabetes;
  • Ajudar a prevenir doenças cardiovasculares;
  • Ajudar a prevenir doenças esqueléticas.

Não se descuide dos exercícios físicos - converse com o seu médico para ver o que é mais adequado para as suas condições de saúde. Depois, mantenha uma rotina de exercícios, se possível diária. Mas, no mínimo três vezes por semana. Não esqueça de manter-se hidratado durante seu treino, evite praticar exercícios sob o sol forte, alongue-se antes de começar e use calçados adequados para a atividade. Os exercícios físicos podem proporcionar uma série de benefícios, tais como:

  • Controlar o peso;
  • Reduzir o risco de doença cardiovascular;
  • Reduzir o risco de diabetes tipo 2 e síndrome metabólica;
  • Reduzir o risco de alguns cânceres;
  • Reforçar os ossos e músculos;
  • Melhorar a saúde mental e o humor
  • Melhorar a disposição e o equilíbrio;
  • Aumentar as chances de viver mais tempo.


Conteúdo relacionado no Pfizer

 

Referências
 
http://portalarquivos.saude.gov.br/campanhas/pni/
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/51vacinacao.html
http://www.saude.ce.gov.br/index.php/noticias/46259-em-que-idade-tomar-vacinas
http://www.cva.ufrj.br/informacao/vacinas/calendario/cv-adultos.html
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/38exercicios.html
https://www.cdc.gov/physicalactivity/basics/pa-health/
http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/publicacoes/guia_alimentar_populacao_brasileira.pdf
http://www.mayoclinic.org/healthy-lifestyle/nutrition-and-healthy-eating/basics/healthy-diets/hlv-20049477
http://www.euro.who.int/en/health-topics/disease-prevention/nutrition/a-healthy-lifestyle/benefits-of-a-balanced-diet