Skip directly to content

2018

Prédio vira telão gigante para alertar sobre câncer de pulmão no Minhocão

Com um roteiro impactante e exibição por projeção mapeada, ação da Pfizer em parceira com o Instituto Vencer o Câncer movimenta o centro da capital em agosto

Um prédio vai arder em brasas no centro de São Paulo, em pleno horário de rush. Essa será a sensação de quem passar pelo Elevado Presidente João Goulart, mais conhecido como Minhocão, entre os dias 1 e 4 de agosto. Durante esse período, a partir das 18h, a lateral do edifício da Funarte, na alameda Nothmann, será transformada em um verdadeiro telão a céu aberto.

Pediatras lançam campanha digital para levar informações seguras aos pais

Com engajamento de influenciadores, iniciativa traz respostas confiáveis aos dilemas nos cuidados com os filhos

Não tem mãe e pai que escapem dos palpites. Pode ser a vizinha, o amigo, ou até mesmo um desconhecido: parece que todo mundo tem um conselho “infalível” sobre a saúde e a rotina das crianças. Mas, para um tema tão importante, opiniões não bastam: é preciso encontrar informações confiáveis, que ajudem a esclarecer as principais dúvidas sobre os cuidados com os filhos. Por isso, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) acaba de lançar a campanha #MAISQUEUMPALPITE, com apoio da

Estudo internacional aponta que depressão pode desencadear doença reumática autoimune

No Brasil, a artrite reumatoide atinge cerca de 2 milhões de pessoas, a maioria mulheres

Considerada como uma consequência dos sintomas da artrite reumatoide, a depressão começa a ser vista como um gatilho para a doença reumática em pessoas com predisposição genética. É o que aponta um estudo recente da University of Calgary, no Canadá1. O trabalho lança um novo olhar sobre essa relação, mostrando que a depressão tem efeito direto sobre as citocinas, substâncias que estimulam o processo inflamatório relacionado à artrite reumatoide.

Mitos e desinformação permeiam cuidados com a saúde infantil nas famílias brasileiras

Pesquisa do IBOPE aponta crenças equivocadas sobre a prevenção das doenças infecciosas mais comuns nos bebês

Quando o assunto é saúde infantil e proteção contra as doenças infecciosas mais frequentes na infância, falta informação e sobram percepções equivocadas entre os pais dos bebês brasileiros. Essa é a conclusão principal da pesquisa Doenças infectocontagiosas nos 2 primeiros anos de vida: mitos e temores das famílias brasileiras, um novo levantamento realizado pelo IBOPE Conecta, a pedido da Pfizer, a partir de 1.000 entrevistas on-line com mães e pais de todas as regiões do País.