Adultos devem atualizar caderneta de vacinação

Adulto pronto para receber a vacina

Você está com a sua caderneta de vacinação em dia? Muita gente não sabe, mas os adultos também precisam ser imunizados. Quem está com as vacinas desatualizadas coloca em risco não apenas a própria saúde, mas também pode se tornar um transmissor de doenças, em especial para as crianças e idosos, que são grupos mais vulneráveis. Saiba quais vacinas devem ser tomadas na fase adulta.

Principais vacinas que adultos devem tomar

Segundo o Ministério da Saúde, a partir dos 20 anos você precisa se vacinar ao menos contra sarampo, caxumba, rubéola, hepatite B, febre amarela, difteria e tétano. Para se proteger de todas essas doenças, são quatro tipos de vacinas, disponíveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS):

Hepatite B - são três doses, para quem não tomou durante a infância ou nunca teve a doença. Você deve tomar a segunda dose um mês após a primeira; e a terceira, seis meses após a segunda.

Tríplice viral (SRC) - protege contra sarampo, caxumba e rubéola. A dose é única e é contraindicada para gestantes e pessoas com imunidade comprometida. A rubéola é uma doença que pode prejudicar o feto quando acomete mulheres grávidas, portanto é importante se vacinar antes de planejar a gravidez.

Dupla adulto (dt) - protege contra difteria e tétano. São três doses iniciais: a segunda deve ser tomada dois meses após a primeira, e a terceira, quatro meses após a segunda. Depois disso, você precisa tomar uma dose a cada dez anos, por toda a vida.

Febre amarela - de acordo com o risco epidemiológico, uma segunda dose pode ser considerada. No início de 2019, o Ministério da Saúde ampliou a vacinação para todo o país, devido ao aumento dos casos de febre amarela entre 2017 e 2018. Antes era indicada somente para quem morava ou ia viajar para lugares onde o risco da doença é alto. A vacina contra a febre amarela é contraindicada para gestantes e mulheres que estiverem amamentando.

Vacinas indicadas para idosos

Idosos se enquadram em um grupo de risco para determinadas doenças, que podem causas complicações graves à saúde. Além das comuns aos adultos, é importante que pessoas acima de 60 anos tomem as seguintes vacinas:

Gripe - o vírus da gripe sofre mutações e a vacina é atualizada anualmente, portanto é importante se imunizar uma vez por ano. A dose pode causar efeitos colaterais, mas muito menores do que a doença.

Pneumococo - a dose é única e protege de doenças graves, como pneumonia e meningite.

Se você perdeu sua caderneta de vacinação e não sabe quais vacinas já tomou, o melhor a fazer é considerar não ter sido vacinado, já que a repetição de doses não traz problemas. Mas o ideal é fazer um controle. Por meio de um exame de sangue é possível afirmar se você está imunizado contra uma determinada doença. Converse regularmente com seu médico.

 

Referências

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/51vacinacao.html - acessado em 29/04/2019

https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/imprensa/noticias/Paginas/As-vacinas-que-os-adultos-precisam-tomar.aspx - acessado em 29/04/2019

http://portalms.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/42849-vacina-de-febre-amarela-sera-ampliada-para-todo-o-brasil - acessado em 29/04/2019

 

PP-PFE-BRA-1907